Contribuição da Educação Física na Inclusão Escolar: o Papel do Professor na Equipe Interdisciplinar de Reabilitação

Por: Fernando Gabriel do Couto Oliveira.

11° Congresso Brasileiro de Atividade Motora Adaptada - CBAMA

Send to Kindle


Resumo

A educação física é componente curricular obrigatório da educação. Crianças com doenças crônicas têm participação restrita em esportes e educação física comparada aos seus pares. A reabilitação no método SARAH, objetiva integrar a criança à comunidade, incluindo a escola. O objetivo deste estudo é apresentar a contribuição da educação física, integrante da equipe de reabilitação, na inclusão escolar. Trata-se de relato de caso, com dados do prontuário de uma criança com paralisia cerebral. Esta foi avaliada quanto às habilidades locomotoras em solo, com andador e manipulativas. O resultado foi repassado à família, com sugestões para a inclusão na educação física. A professora da criança compareceu em atendimento para compartilhamento de informações. Observamos ganhos no processo de inclusão nos aspectos: Familiar - compreensão da necessidade de apoio para a educação física; Escolar - compartilhamento de informações com a professora; Manutenção de resultado - inclusão escolar e educação física, após um ano; Intervenção no contexto - pais familiarizados e confeccionando materiais adaptados para a criança. O professor de educação física, compondo a equipe de reabilitação, tem papel importante em avaliações e orientações ao paciente, família e escola, visando inclusão escolar. Esta atuação reflete na qualidade de vida da criança e família

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.