Controle Postural em Idosos no Movimento Sentado Para em Pé

Por: Ana Carolina de Mello Alves Rodrigues e Carlos Eduardo de Albuquerque.

I Simpósio em Neuromecânica Aplicada

Send to Kindle


Introdução: A capacidade de passar de sentado para em pé (STS) com facilidade e segurança, constitui um pré-requisito para a realização de diversas atividades de vida diária, dentre elas a marcha funcional normal. A dificuldade em realizar esse movimento limita a participação dos indivíduos em atividades cotidianas como levantar da cama, sentar à mesa para alimentação, usar o banheiro e andar de ônibus.

Objetivos: O objetivo deste estudo foi analisar a ativação dos músculos tibial anterior, sóleo, vasto lateral e bíceps femoral na execução da fase II do movimento de passar de sentado para em pé entre idosos e jovens saudáveis.

Materiais e Métodos: Os participantes foram divididos em 2 grupos: Grupo idoso - 6 idosas saudáveis; Grupo Jovem - 6 acadêmicas saudáveis. Durante o movimento STS foi analisado o inicio da fase II e a ativação dos músculos: Vasto Lateral, Tibial Anterior e Soleo na execução esta fase. O procedimento foi repetido cinco vezes, com intervalo de 60 segundos ara descanso. Os dados da eletromiografia foram descritos e comparados para os rupos idoso e jovem.

Resultados: A seqüência de ativação muscular encontrada foi: primeiro Tibial Anterior seguido do Soleo, sendo que o inicio da ativação do músculo VL caracteriza o inicio da fase II do movimento STS, marcador da transferência de peso. Na comparação entre os grupos foi encontrado diferença no tempo de ativação uscular antecipatória.

Conclusão: Não foi observada diferença significativa na equência de ativação muscular no movimento STS entre os grupos, mas o grupo ovem apresentou menor tempo de ativação postural antecipatória.

E-mail do apresentador: ceafit@yahoo.com

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.