Copa do Mundo 2014: Um Estudo Sobre o Processo de Candidatura de Pernambuco

Por: e Thiago Seixas.

Revista Intercontinental de Gestão Desportiva - v.2 - n.1 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Grande interesse tem surgido recentemente em investigar o processo de candidatura e os benefícios em sediar eventos esportivos, especialmente os megaeventos esportivos, como os Jogos Olímpicos, a Copa do Mundo de Futebol e os Jogos Panamericanos. Esta pesquisa teve como objetivo analisar as ações propostas na candidatura do governo de Pernambuco tendo em vista a Copa 2014, além de determinar quais intervenções serão realizadas na infra-estrutura esportiva de Recife e São Lourenço da Mata em virtude da Copa 2014 e identificar se haverá programas ou projetos de qualificação profissional para sediar o evento estão propostos pelo governo. A sustentação metodológica da pesquisa foi a análise documental descritiva de 48 reportagens do Jornal Diário de Pernambuco e relacionadas com o que aponta a literatura específica sobre os megaeventos esportivos. Quanto aos resultados constatou-se que não serão construídas ou reformadas instalações esportivas que permitam a prática do futebol, com exceção da Arena Pernambuco, além de os programas de qualificação propostos na candidatura não terem começado. Ao final do estudo percebe-se a necessidade de cidades sede estarem focadas, durante o processo, desde a candidatura, na comunidade local. Os impactos e legados devem estar alinhados com as necessidades da população. Neste sentido, torna-se possível concluir que a Copa será um impulsionador de investimentos e de oportunidades, e que deve haver uma melhor interação entre o Comitê Organizador Local do evento em questão com a população local, no sentido de poder maximizar impactos e legados, tendo como objetivo atender necessidades reais da população pernambucana

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.