Corpo e Juventude: a Nomeação do Outro na Escola

Por: Marcelo Slomka.

116 páginas. 2006 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

A presente pesquisa trata de uma temática específica: as formas e contornos que o corpo adquire na subjetivação de si e do outro, como lugar de identificação na contemporaneidade. O objetivo geral da pesquisa consiste em procurar compreender a relevância que o corpo assume atualmente nos modos de nomeação do outro jovem, e de que modo isso estaria afetando os sujeitos. Para tanto, realizamos uma análise de imagens sobre corpos jovens e um estudo sobre depoimentos de estudantes a respeito do tema, a fim de problematizar discursos e práticas diversas que se produzem e circulam relacionadas a esse debate. Em termos metodológicos, trabalhamos com dois grupos focais, de 12 alunos do Ensino Médio, na faixa de idade entre 15 e 18 anos, que discorreram sobre 28 fotografias de corpos jovens e sobre seqüências de dois filmes. Utilizando conceitos como alteridade, corpo, juventude, diferença e subjetividade, de autores como Jurandir Freire Costa, Francisco Ortega, Michel Foucault e Denise Sant’Anna, entre outros, pudemos concluir, mesmo provisoriamente, que a imagem do corpo parece estar regulando, em grande medida, as relações entre os jovens, de forma a qualificar, caracterizar e ordenar o outro, assim como definir seu respectivo pertencimento nas esferas sociais. Os depoimentos coletados indicam que as relações nessa sociedade e cultura parecem estar construídas em torno de um apelo fortemente idealizado sobre a imagem, em relação à qual os indivíduos se vêem entre a resistência e a submissão.

Endereço: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/10318

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.