Corpo e Movimento: Produzindo Diferenças de Gênero na Educação Infantil

Por: , Liane Apareceida Roveran Uchoga e Marina Mariano.

Pensar a Prática - v.15 - n.2 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Este artigo analisa as relações entre gênero e movimento na Educação Infantil a partir de duas pesquisas realizadas em instituições desse nível de educação em cidades distintas do estado de São Paulo. Em ambas foram feitas observações etnográficas e entrevistas, sendo que uma delas, realizada na cidade de Campinas, investigou como o corpo e o movimento eram tratados dentro da rotina escolar, enquanto a segunda, realizada em Vinhedo, problematizou as relações de gênero dentro de aulas de Educação Física. Analisamos aqui como as diferentes formas de intervenção de professores e professoras produziam relações e significados de gênero distintos durante suas aulas. Concluímos que diferentes formas de intervenção podem estimular ou não a segregação de meninos e meninas nesse espaço.

Endereço: http://www.revistas.ufg.br/index.php/fef/article/view/12375/11200

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.