Corporeidade, Educação Infantil e Formação Docente

Por: Vera Regina Rozendo Montano.

142 páginas. 2007 10/09/2007

Send to Kindle


Resumo

Esta Dissertação de mestrado se propõe a contribuir para a elucidação de como a qualidade da prática docente na Educação Infantil está na dependência do domínio das experiências psicocorporais por parte do educador, uma vez que é da sua responsabilidade a organização do meio pedagógico propício à aprendizagem e ao desenvolvimento da criança. Compreender, vivenciar e dominar sua corporeidade, por parte do educador contribui para a organização das estruturas psicocorporais em desenvolvimento na criança. Re-significar a vivência corporal, por parte do educador infantil, o capacita para uma prática estruturante de si mesmo e , conseqüentemente, da criança no que se refere ao desenvolvimento de suas estruturas psicocorporais. As teorias sobre a corporeidade e o psiquismo, que embasam este estudo, provêm da Psicossomática, da Psicomotricidade, da Psicomotricidade Relacional, da Bioenergética, da Ludicidade, aplicadas à Educação Infantil. Esta Dissertação propõe que na formação do educador, principalmente do educador infantil, sejam incluídas vivências que o capacitem a melhor conhecer sua corporeidade e a disponibilizá-la na relação pedagógica com as crianças, seus educandos.

Endereço: https://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10551

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.