Corpos Desenhados: Olhares de Crianças de Brasília Através da Escola e da Mídia

Por: Ingrid Dittrich Wiggers.

2003 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

A cultura corporal infantil é o tema geral desta tese. Considera-se como pressuposto a corporeidade enquanto elemento fundamental da formação humana, que se integra às demais dimensões do sujeito. Partiu-se da crítica à concepção naturalizada da corporeidade, que dominou o pensamento moderno, sugerindo a plasticidade e a educabilidade do corpo. Um dos efeitos dessa concepção tem sido a prática da educação fragmentada do sujeito. Por outro lado, o culto ao corpo, amplamente propalado pelos meios de comunicação de massa nos tempos atuais, reforça tal concepção. Escola e mídia atuam como filtros semelhantes ante o olhar das crianças sobre a cultura corporal. Com objetivo de conhecer as representações e expressões corporais de crianças, construídas pelo processo de interação social, procedeu-se à observação do comportamento de alunos de 1 a a 3 a séries da Escola-Parque 210/211 Norte, em Brasília. Integramos a pesquisa às atividades de ensino da escola, que é voltada exclusivamente para o ensino de Artes e de Educação Física. Desse modo, acompanhamos as crianças por meio de desenhos, jogos dramáticos, brincadeiras e atividades de música e dança. Observamos que, embora, a escola e a mídia filtrem o olhar das crianças, a arte oportuniza a produção de outras imagens corporais. 

Endereço: http://ppge.ufsc.br/formularios/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.