Cotidiano e Práticas Corporais Infantis: o Lúdico e a Violência em Cena

Por: Ingrid Dittrich Wiggers e .

Motrivivência - v.27 - n.45 - 2015

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo problematiza traços do cotidiano traduzidos em práticas corporais no ambiente escolar, protagonizados por crianças de 7 a 13 anos, residentes em um bairro periférico da ilha de São Luís do Maranhão. Para tanto, realizamos uma pesquisa de natureza qualitativa, de inspiração etnográfica, com referência de autores das Sociologias da Infância e do Cotidiano, em que foram analisados três episódios registrados em diário de campo. Desses episódios emergiram matrizes de sentido/significado que viabilizaram a interpretação do cotidiano das crianças estudadas, sendo eles: a “musicalidade”, os “gestos e inscrições no corpo” e a “violência” como roteiro. Identificamos por meio da pesquisa, que a linha tênue entre o lúdico e a violência no contexto de interação entre crianças, parece forjar novos olhares acerca da infância, em que a redoma simbólica em torno dela é relativizada em um grande “ringue” de disputas sociais.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2015v27n45p58

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.