Crianças e Desempenho Motor: Um Estudo Associativo

Por: .

Motriz - v.15 - n.4 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O estudo de caráter descritivo objetivou investigar a associação entre o desempenho motor, percepção de competência e índice de massa corporal de crianças de 8 a 10 anos. Foram sujeitos do estudo 75 crianças da rede de ensino publico. Os instrumentos utilizados foram: Test of Gross Motor Development 2 (TGMD-2), Ulrich (2000), Self Perception Profile de Harter (1985) e Índice de massa corporal (IMC). A Coleta de dados ocorreu individualmente. Para análise dos dados foi utilizado o TesteKolmogorov- Smirnov e o teste Exato de Fisher para P≤ 0,05. Os resultados demonstraram que 97,22% das crianças apresentaram percepção de competência moderada e alta, 97,22% desempenho motor muito pobre/pobre e 83,34% IMC normal. Conclui-se assim, que não houve a associação entre as variáveis de desempenho motor, percepção de competência e IMC, os quais indicam uma tendência das crianças desta faixa etária a superestimarem suas competências não sendo precisas em suas percepções.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/2375/2582

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.