Crônica de Um Fracasso Anunciado: Um Estudo de Caso a Partir das Narrativas Disponíveis na Mídia Sobre Psicologia do Esporte na Seleção Brasileira de Futebol na Copa do Mundo de 2014

Por: Lucas Ribeiro Cecarelli.

89 páginas. 2015 03/02/2015

Send to Kindle


Resumo

A Copa do Mundo de Futebol de 2014, realizada no Brasil, deixou claro que este esporte tem a capacidade de deixar boquiabertos até mesmo pessoas que não tem o menor interesse no esporte mais praticado no Brasil e jogado com os pés, o futebol. Ao debater sobre o rendimento da Seleção Brasileira de Futebol na Copa do Mundo de 2014 os aspectos táticos, técnicos e físicos foram objeto de questionamentos, porém, nenhum outro foi tão discutido quanto o aspecto psicológico, apesar da significativa resistência a cerca das condições de possibilidade de realização de uma preparação psicológica . Neste contexto mostrou-se incontornável, tanto quanto os aspectos físicos, técnicos e táticos o importante papel da psicologia do esporte na busca por um ótimo desempenho. Neste sentido, no momento de preparação dos atletas para o mundial indagamos se houve a adequada preocupação com a questão da preparação psicológica. Este estudo teve, portanto, como objetivo questionar se houveram condições de possibilidade de realização de uma preparação psicológica da seleção brasileira de futebol na Copa do Mundo de 2014 realizada no Brasil. A realização desta pesquisa foi pautada em uma metodologia exploratória, qualificada como estudo de caso, possível através de pesquisa documental via notícias e entrevistas disponíveis na mídia, internet e crônicas de ícones da crônica esportiva nacional – João Saldanha, Tostão, José Miguel Wisnik e Juca Kfouri - capazes de dialogar com o tema investigado nos momentos e acontecimentos de destaque da competição, os quais denotam possível recorrência em participações da seleção brasileira em Copas do Mundo de futebol. A partir da análise dos documentos coletados pudemos construir um panorama mais aprofundado da questão, de modo a aferir melhor as condições, as variáveis e as prováveis responsabilidades. A partir dos dados coletados, analisados e discutidos, suas interligações e questionamentos realizados face ao objetivo proposto foi possível perceber a maneira como a preparação psicológica foi abordada e quais as reais possibilidades de realização desta. 

Endereço: http://hdl.handle.net/11449/126500>

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.