Dança em Cadeira de Rodas e Paralisia Cerebral: Estudo de Caso da Menina Laura

Por: Alvaro Rego Millen Neto, Bruna Araújo Carvalho e Fernanda Silva.

Conexões - v.7 - n.1 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O estudo analisa as possibilidades da dança com cadeira de rodas enquanto recurso auxiliar para o desenvolvimento dos aspectos afetivo social, cognitivo, psicomotor e terapêutico de uma criança com Paralisia Cerebral. Para tal, foi realizado um estudo de caso de uma menina (Laura) com nove anos de idade. Os dados foram coletados através de entrevistas e um diário de campo. Suas análises permitem as seguintes considerações: o interesse deliberado de Laura, o apoio da família e o acompanhamento de profissionais especializados foram fundamentais para o projeto de dança; sua inclusão em uma escola municipal regular reafirmou as possibilidades da inclusão educacional, desde que se atenda às necessidades didático-metodológicas e estruturais para tal; Laura demonstrou nítida progressão em aspectos motores, tais como subir na cadeira de rodas ou fazer movimentos de dança de forma autônoma; o desenvolver das aulas de dança desencadeou uma notável contribuição em sua auto-estima.

Endereço: http://fefnet178.fef.unicamp.br/ojs/index.php/fef/article/view/386

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.