Dança na Escola: Uma Reflexão Sóciopedagógica

Por: Joyce da Silva Heinze, Marcelle Cabral Volpasso, Renata Barbosa da Cruz, Ruan Ibrahim de Oliveira Gonçalves e Valéria Nascimento Lebeis Pires.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO

A dança manisfesta-se como forma de comunicação e socialização por meio de gestos e movimentos (AMARAL, 2009; GARIBA, 2005), sendo importante no desenvolvimento motor, afetivo e psicossocial (GARIBA; FRANZONI, 2007). Tal prática enfrenta resistência no âmbito escolar com dificuldades para que se efetive como um dos conteúdos abordados em aulas de Educação Física (EF), seja por questões de aceitação dos alunos, falta de motivação dos professores, pouca afinidade entre as partes e a prática e infraestrutura (SARAIVA, 2009; BUOGO; LARA, 2011; SILVA et al, 2012; SOUZA et al., 2014). Com base nas consideraçõs apontadas, é possível incluir a dança como proposta sociopedagógica na EF escolar?

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.