Das Práticas Pedagógicas Para a Educação Física Infantil de 0 a 3 Anos no Município de Florianópolis

Por: , Ana Cristina Richte e Bárbara dos Santos Gaspa.

Currículo sem fronteiras - v.15 - n.1 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Este artigo relata os resultados de uma pesquisa que teve como objetivo central analisar os objetos de trabalho de professores de Educação Física de uma escola profissionalizante e o seu impacto no processo de constituição de seus saberes profissionais. Mais especificamente, buscou analisar o peso da cultura da escola no processo de edificação das práticas e saberes pedagógicos desses docentes. Com esse estudo intentamos construir respostas ao seguinte questionamento: até que ponto o processo de conhecimento na ação tem suas raízes no contexto social e institucional estruturado do qual compartilha uma comunidade de profissionais? Para isso, realizamos uma pesquisa que envolveu três docentes dessa disciplina (dois homens e uma mulher), diretores, especialistas (pedagogas, psicólogas, assistente social, médico) e alunos de ensino médio profissionalizante e fez-se uso de várias técnicas de coleta de dados: observação do cotidiano escolar, entrevistas e análise documental. A pesquisa aponta alguns dos objetos-condições de trabalho dos professores de Educação Física, bem como, saberes profissionais edificados frutos das interações que esses docentes estabelecem com o seu contexto situado de trabalho e a instituição como totalidade.

Endereço: http://www.curriculosemfronteiras.org/vol15iss1articles/gaspa-richte-vaz.htm

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.