Desempenho de Basquetebolistas no Salto Vertical: Comparação em Diferentes Momentos da Partida

Por: Gabriel Garcia Maldaner, , José Francisco Daniel, Leandro de Melo Beneli, Paulo César Montagner e Rafael Júlio de Freitas Guina Fachina.

Salusvita - v.30 - n.2 - 2011

Send to Kindle


Resumo

Introdução: O basquetebol é uma modalidade que se caracteriza pelo predomínio do metabolismo anaeróbio no fornecimento de energia com destaque para potência na realização dos diferentes fundamentos, principalmente na habilidade do salto. Com ações intermitentes no jogo, a produção de fadiga e a queda no desempenho dos atletas é um fator a ser investigado. Objetivo: o objetivo do estudo foi analisar e comparar saltos verticais de atletas de basquetebol, em diferentes quartos de jogo e posições, em duas partidas. Método: Participaram 11 atletas homens (idade de 22,8±3,7 anos, massa corporal de 94,15±13,9 kg, estatura de 196±9,1 cm) em diferentes posições e a avaliação da força explosiva de membros inferiores foi realizada com a técnica de Counter Movement Jump com auxílio dos braços. Os jogadores foram avaliados no início da partida e ao final dos quartos de jogo. Para análise dos dados utilizou-se média e desvio-padrão, teste de kruskal-Wallis para normalidade, T de Student para dados pareados, na comparação entre as posições. Resultados: Os principais resultados dos valores de salto apontam para a proximidade quantos aos dados iniciais durante todos os quartos de jogo, nas duas partidas avaliadas e, em relação às posições do jogo e o tempo de participação, os armadores se destacam pelas diferenças significativas (p<0,05) avaliadas ao final do segundo e terceiro quarto. Conclusão: Os resultados assemelham-se a achados de outros autores, levando a crer que a fadiga de membros inferiores no salto não ocorre devido à relação com ações fisiológicas e da quantidade de saltos durante as partidas.  

Endereço: http://www.usc.br/biblioteca/salusvita/salusvita_v30_n2_2011.htm

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.