Desenhos Animados Televisivos, Ética e Educação Física nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental: Diálogos Possíveis

Por: .

105 páginas. 2011 25/02/2011

Send to Kindle


Resumo

A presente pesquisa, desenvolvida junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP, campus de Presidente Prudente, e com apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP, vincula-se à linha de pesquisa intitulada Práticas Educativas e Formação de Professores. A forte interação das crianças com as mídias, especialmente a televisão, é fato bastante documentado na literatura. Em tempos de “desordenamentos educativos” (expressão de G. Orozco-Gómez) provocados sobretudo pela aceleração das mediações tecnológicas, é necessário aproximar as práticas e conteúdos escolares das culturas infantis. As mídias apresentam então aos professores o desafio da mediação crítica de signos audiovisuais, na qual, mais importante que os conteúdos em si, é contribuir na construção dos critérios que permitam aos alunos efetuar valorações estéticas, éticas e científicas acerca das mensagens que veiculam nos meios. O presente trabalho dirige seu foco para um diálogo entre: os desenhos animados televisivos, que são alimentos da ludicidade e da fantasia que caracterizam as culturas infantis; a ética, porque a problematização dos valores e do agir moral é imprescindível para refletirmos sobre a sociedade em que queremos viver; e a Educação Física como componente curricular, porque os problemas prático-morais que surgem nas aulas oferecem momentos preciosos para a construção de valores. Assim, nosso objetivo é interpretar, à luz das teorias da filosofia moral, o discurso ético presente em desenhos animados televisivos que tenham como argumento conteúdos da Educação Física.

Endereço: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/92317

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.