Desenvolvendo Um Cenário Imaginativo Circense Pelo Brincar-e-se-movimentar da Criança

Por: Daiane Oliveira da Silva.

114 páginas. 2015 17/03/2015

Send to Kindle


Resumo

As possibilidades construtivas em meio à herança cultural do Circo são notórias e, desse modo, uma grandeza de movimentos de diferentes possibilidades corporais sendo construída. Devido a esse importante legado cultural do Circo, as Atividades Circenses constituemse como representativas ao BrincareSeMovimentar da criança, considerando as suas construções experienciais. Sendo assim, este estudo tem como objetivo investigar as relações do imaginar e fascinar da criança que se expressam pelo BrincareSeMovimentar estimulados pelas Atividades Circenses. Para o desenvolvimento dessa pesquisa, buscamos uma metodologia de cunhos teórico e exploratório, com sentido à reconstrução de teorias e condições explicativas aos aspectos relacionados às Atividades Circenses e suas relações com o brincar imaginativo da criança. O que, primeiramente, desenvolvese, por meio de uma compreensão do estado da arte, identificando o cenário histórico desse conhecimento e suas produções em vista do contexto pedagógico. Em um segundo momento, estabelece um reconhecimento do cenário contextual e perceptivo da criança, tendo em vista o seu BrincareSeMovimentar. Em um terceiro momento, procurase identificar o cenário do brincar no contexto escolar e sua problemática, considerando as relações entre o imaginário infantil e a arte. Em última análise, são traçadas algumas aproximações com o brincar imaginativo e com as Atividades Circenses, considerando o seu múltiplo cenário e suas relações possíveis na escola, tendo em conta o contexto do SeMovimentar imaginativo e as Atividades Circenses. A partir disso, concluise que o contexto do cenário circense e o universo infantil são mediados pelo “imaginário” nas construções inventivas da criança que, causadas pelo cenário circense, contribuem com um encantador cenário abrangente e sensível aos diferentes interesses e necessidades em meio à infância imaginativa como o reconhecimento de sua gama variada de possibilidades muito além de instrumentos de ensino, enquanto uma pedagogia dedicada às intenções das crianças em meio ao caminho assumido; e compreendidas no mundo da criança como experiências múltiplas do movimento, sendo uma pedagogia elaborada a partir do brincar e do imaginar e mediadora sensível a esse processo.

Endereço: http://cascavel.ufsm.br/tede/

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.