Desenvolvimento Motor de Crianças com Indicadores de Dificuldades na Aprendizagem Escolar

Por: E. C. Piucco, F. R. Neto, G M. F. de Almeida, G. Caon, J. A. Caram e J. Ribeiro.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.15 - n.1 - 2007

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar o desenvolvimento motor e as características psicossociais de crianças com indicadores de dificuldades na aprendizagem escolar. A população foi composta por 289 crianças matriculadas de 1ª.a 4ª. série em uma escola municipal de Florianópolis/SC, avaliadas sob os aspectos de crescimento, postura, aptidão física e rendimento escolar. A partir da análise desses resultados, 31 crianças constituíram a amostra, caracterizada pelos indicadores de dificuldades na aprendizagem escolar. Essas crianças foram avaliadas pela Escala de Desenvolvimento Motor – EDM (ROSA NETO, 2002) e por um Questionário Psicossocial. Para a análise estatística utilizou-se o programa informático Epi-Info 2000 (CDC, 2004) usando a freqüência, porcentagem, média, variância, desvio padrão, valor mínimo, valor máximo e mediana. De acordo com a classificação da EDM, 74,3% dos escolares apresentaram índice de “Normal Médio” à “Normal Baixo” com média do Quociente Motor Geral de 89,48 (normal baixo). Do total de escolares avaliados, 87,1% (n=27) apresentou média de 16 meses de atraso motor. Grande parte dos estudantes era proveniente de famílias com alterações psicossociais, sugerindo correlação entre esses fatores. Enfatiza-se a necessidade de avaliação b e intervenção nas fases iniciais do período escolar, através de estratégias e técnicas que minimizem os déficits ocasionados pelas condições adversas, promovendo assim, maior inclusão social dessas crianças.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/729/732

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.