Desnutrição e Sua Associação com Atividades Durante o Lazer Entre Adolescentes

Por: Arli Ramos de Oliveira, Diego Giulliano Destro Christofaro, Jamile Sanches Codogno, e Rômulo Araújo Fernandes.

Ciência & Saúde Coletiva - v.19 - n.3 - 2014

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste artigo é verificar a prevalência de desnutrição em adolescentes de duas cidades brasileiras e analisar possíveis associações com a prática de atividades físicas durante horá- rios de lazer. Participaram do estudo 2782 adolescentes de 10 a 17 anos, de escolas da rede pública e privada de uma cidade do sudeste e uma da região sul. O peso e a estatura foram avaliados por balança digital e estadiômetro, respectivamente. A prática de atividade física considerou as variá- veis: prática de esportes; andar (tratada como caminhada); andar de bicicleta e assistir televisão. O teste qui-quadrado e a regressão de Poisson foram empregados. A prevalência de desnutrição foi de 13,0%, sendo maior no sexo feminino (14,5%) quando comparado ao masculino (11,9%) [p = 0,047]. A prática esportiva foi associada com menor ocorrência do desfecho (p = 0,001). Foi significativamente menor a prevalência de desnutri- ção entre aqueles que mantinham frequência moderada de caminhadas em comparação àqueles que apresentavam baixa frequência dessa prática. A prevalência de desnutrição no presente estudo pode ser considerada elevada. Além disso, a condição nutricional inadequada nos adolescentes aparentemente está associada a comportamentos de risco à saúde, caso da prática insuficiente de atividade física durante horários de lazer.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232014000300875&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.