Determinação da Potência Mecânica no Limite Entre os Domínios Pesado/severo do Crawl-atado

Por: Benedito Sérgio Denadai e Dalton Muller Pessoa Filho.

Motriz - v.16 - n.4 - 2010

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi ajustar o modelo P-tLim à natação com o recurso do nado atado. Seu significado fisiológico para a descrição dos domínios pesado/severo foi obtido pelas relações com a velocidade crítica (VC), potência crítica (PC) e com máxima fase estável do lactato (MFEL). A velocidade correspondente a MFEL (vMFEL =1,17 ± 0,11 m/s) e a VC (1,19 ± 0,12 m/s) obtidas durante o nado desimpedido foram significantemente diferentes. Similarmente, a potência correspondente a MFEL (pMFEL = 89,2 ± 15,1 W) e a PC (99,4 ± 22,9 W) foram diferentes durante o nado atado. Não houve diferença da concentração de lactato na vMFEL (3,54 ± 0,9 mM) e pMFEL (3,76 ± 0,6 mM). Coeficientes de Pearson significativos (r > 0,70) foram observados entre os parâmetros vMFEL e pMFEL com seus respectivos pares do modelo tempo-limite. Assim, o nado atado parece ser válido para determinar os limites do domínio pesado/severo, podendo também ser utilizado para avaliar a capacidade aeróbia de nadadores. 

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1980-6574.2010v16n4p820

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.