Diálogo Público, Instituições Científicas e Democracia: Reflexões Sobre a Constituição de Uma Política de Comunicação Organizacional

Por: Rennan Lanna Martins Mafra.

Intercom - Revista Brasileira de Ciências da Comunicação - v.39 - n.2 - 2016

Send to Kindle


Resumo

Reconhecendo o diálogo público como imperativo democrático dirigido aos contextos científicos das recentes sociedades complexas e pluralistas, esse artigo objetiva problematizar em que medida é possível a construção de uma política de comunicação organizacional pautada pela noção de comunicação pública da ciência nos cenários contemporâneos das instituições científicas. A metodologia utilizada no artigo foi a pesquisa bibliográfica, que orientou tanto a busca por estudos sobre comunicação pública da ciência e sobre comunicação organizacional em contextos democráticos, quanto o levantamento dos fundamentos teóricos gerais que sustentam o horizonte explicativo ora proposto. Como principal resultado, evidencia-se que o campo da comunicação organizacional pode dar respostas às instituições científicas a partir da construção de uma política de comunicação que estimule, acolha e administre o diálogo público, em consonância com esforços voltados à comunicação pública da ciência.

Endereço: http://portcom.intercom.org.br/revistas/index.php/revistaintercom/article/view/2441

Ver Arquivo (PDF)

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2017 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.