Diferença Entre Intensidade do Exercício Prescrita Por Meio do Teste Tcar no Solo Arenoso e na Grama

Por: Juliano Fernandes da Silva, Lorival José Carminatti, Luiz Guilherme Antonacci Guglielmo, Tiago Cetolin e Valdeci Foza.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.12 - n.1 - 2010

Send to Kindle


Resumo

A intensidade do treinamento pode ser influenciada pelo modo de exercício e tipo de terreno. Assim, os objetivos deste estudo foram: a) comparar os índices fisiológicos determinados no teste TCAR realizados no solo arenoso (SA) e no piso de grama natural (PGN) b) analisar as respostas de frequência cardíaca (FC) e lactato sanguíneo em exercício de carga constante em SA e PGN. Dez atletas de futebol (15,11±1,1 anos, 168±4,0cm, 60±4,0kg) foram submetidos ao teste TCAR para determinação do pico de velocidade (PV) e intensidade correspondente a 80,4% do PV (V80,4) no PGN e no SA. A segunda avaliação consistiu de dois testes de carga constante (TCR) (80,4%PV no PGN e no SA) com duração de 27 minutos. Foi utilizado o teste “t” de Student pareado para comparar os testes no PGN e no SA. A análise de variância ANOVA (two-way), complementada pelo teste de Tukey foi utilizada para comparar os valores das concentrações de lactato [La], nos minutos 9, 18 e 27, nos dois tipos de solo. Foi adotado p < 0,05. O PV e a V80,4 na grama (15,3±1,0km.h-1 e 12,3±0,6km.h-1) foram significativamente superiores à areia (14,3±1,0km.h-1 e 11,5±0,4km.h-1). A concentração de lactato [laV80,4] no TCR da areia (4,1±0,9mmol.L-1) foi significativamente superior à grama (2,8±0,7mmol.L-1). No TCR a FC média não apresentou diferença significativa, enquanto as [la] apresentaram, entre os dois terrenos. Pode-se concluir que o tipo de solo interfere nos indicadores associados à capacidade e à potência aeróbia, obtidos por meio do teste TCAR.
 

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2010v12n1p29

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.