Diferenças Regionais na Frequência de Consumo Alimentar e no Nível de Atividade Física em Adolescentes de Pernambuco

Por: Carla Menêses Hardman, Iza Cristina de Vasconcelos Martins Xavier, Maria Laura Siqueira de Souza Andrade e .

XXXV Simpósio Internacional de Ciências do Esporte - SIMPOCE

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Estudos revelam que a inatividade física e o consumo inadequado de frutas e hortaliças são os fatores de riscos mais prevalentes em adolescentes. Entretanto, a carência de inquéritos alimentares e de atividade física nas diferentes regiões do Brasil dificulta a análise desta temática em adolescentes. Objetivo: Comparar diferenças regionais na frequência de consumo alimentar e no nível de atividade física em adolescentes de Pernambuco.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.