Dimensões Epidemiológicas Associativas Entre Indicadores Socioeconômicos de Vida e Prática de Exercícios Físicos

Por: Alexandre Palma, Diego Cordeiro Ferreira, e .

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.27 - n.3 - 2006

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo é verificar a relação entre a adesão aos exercícios físicos e aspectos socioeconômicos de uma amostra de 1.005 sujeitos residentes na cidade do Rio de Janeiro. Foi utilizado um questionário elaborado especificamente para o estudo, o qual apresentou confiabilidade verificada a partir da aplicação de teste-reteste. Do total estudado, 701 (69,75%) sujeitos manifestaram não realizar exercícios regularmente. Os homens apresentaram maior taxa de adesão aos exercícios (p<0,01). Os mais jovens também manifestaram maior adesão (p<0, 01). Verificou-se, ainda, que a taxa de adesão foi bastante superior no grupo de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) elevado (p<0,01). Os resultados encontrados sugerem que fatores sociais e econômicos influenciam na 
adesão à prática de exercícios físicos.
 

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/78

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.