Discursos de Homens Idosos na Natação Master: Envelhecimento e Masculinidade na Perspectiva do Gênero.

Por: Alessandra Pacheco de Andrade Ribeiro.

100 páginas. 2005

Send to Kindle


Resumo

o propósito maior do estudo ficou circunscrito na perspectiva de desvelar o significado da prática da natação competitiva e do envelhecimento no discurso dos nadadores masters do sexo masculino, considerando a identidade de gênero socialmente construída. Nesse contexto, os objetivos específicos tiveram a intenção de: 1) investigar a trajetória e os motivos que levaram idosos do sexo masculino à prática da natação competitiva; 2) analisar, nos discursos produzidos, as identidades de gênero masculinas construídas ao longo do percurso histórico pelos nadadores masters; 3) interpretar o significado da medalha, da vitória e da derrota nesta etapa da vida; 4) desvelar a percepção que os homens idosos têm em relação aos seus corpos. Consideramos a hipótese substantiva de que a natação competitiva favorece uma melhor percepção corporal aos idosos, tanto esteticamente quanto fisiologicamente; e que ao proporcionar a experiência da vitória, da derrota e da obtenção da medalha, propicie aos idosos descobrir um novo sentido para suas vidas. A revisão de literatura ficou ancorada nos itens: envelhecimento, corporeidade, natação master / longevidade e relações de gênero / masculinidade. O percurso metodológico adotado está inserido no eixo epistemológico da motricidade humana, tendo como fulcro a fenomenologia. Fizeram parte da pesquisa 13 atletas do sexo masculino, integrantes da categoria master acima de 60 anos, que participam de competições em nível nacional, estando filiados a diversos clubes brasileiros. Empregamos como instrumento uma entrevista semi-estruturada; a observação participante e o diário de campo. Para análise das entrevistas, utilizamos o suporte teórico das Representações Sociais e da Análise de Discurso. Os resultados permitiram revelar dados dos nadadores que constituem a prática competitiva com foco na masculinidade: discurso autovalorativo, estética, competição, socialização, saúde e aspectos motivacionais. Concluímos que esses idosos têm necessidade de se autovalorizar, da autoglorificação, preocupam-se com a estética, vão em busca de integração social, da melhoria da saúde e de motivações para o ingresso e permanência na natação competitiva. Eles evidenciam o compromisso com o treinamento, sendo esta uma das formas de ocuparem os seus tempos livres. As limitações flsicas, os preconceitos e estereótipos são desafios que o nadador master aqui estudado supera a cada treino e a cada competição, contribuindo para a desconstrução do estereótipo de "ser velho", refutando a falsa imagem do aposentado inativo, inútil e marginalizado, surgindo como um novo estilo de homem idoso.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=2142&listaDetalhes%5B%5D=2142&processar=Processar

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.