Do Jogo Ao Sistema Esportivo: a Institucionalização da Prática do Remo no Rio Grande do Sul

Por: Alie Beatriz Assmann, Carolina Fernandes da Silva e .

Licere - v.22 - n.3 - 2019

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo busca compreender como ocorreu o processo de institucionalização das práticas do remo no Rio Grande do Sul, na transição do século XIX e início do século XX. Para tanto foram consultados jornais do estado que circulavam no período. Estas fontes foram submetidas a uma análise documental, com o auxílio do software de análise qualitativa dos dados ATLAS.ti. A interpretação das fontes revelou que as regatas, configuradas como jogos competitivos e de apostas, assentaram os primeiros passos na institucionalização das práticas náuticas, quando passaram a ser regidas por clubes. O estabelecimento de uma configuração esportiva nos clubes náuticos contribuiu para que novos elementos fossem incorporados por outras práticas e, assim, se consolidasse um sistema esportivo no estado.

Endereço: https://periodicos.ufmg.br/index.php/licere/article/view/15307

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.