Do Problema da Fadiga em Educação Física

Por: Arne Enge.

Revista da Apef – São Paulo - v.1 - n.1 - 1953

Send to Kindle


Resumo

O trabalho prolongado ou intenso determina o aparecimento no organismo de um estado caracterizado por diminuição ou incapacidade de trabalho e por modificações no aparelho respiratório, circulatório, sistema nervoso e glândulas de secreção interna. É o que se denomina de fadiga muscular, que não pode ser definida dentro do conceito lógico de definição, que é a que define só o definido e todo êle. Tão complexas e diversas são as manifestações orgânicas determinadas pela fadiga qiue não se alcançou defini-la integralmente, o que significa igualmente que se trata de assunto ainda não conhecido suficientemente no campo da fisoilogia.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.