Dor Lombar em Mulheres Sedentárias e Praticantes de Musculação

Por: Altair Argentino Pereira Júnior e Amanda Benvenutti.

Cinergis - v.18 - n.1 - 2017

Send to Kindle


Resumo


Objetivo: identificar a presença de dor lombar em mulheres sedentárias e praticantes de musculação. Método: utilizou-se o questionário de Oswestry, para avaliação da dor lombar. Participaram vinte mulheres com faixa etária entre 50 e 60 anos, divididas em dois grupos. Resultados: Observou-se que as dores na região lombar acabam limitando parte das mulheres, na sua maioria sedentárias, até mesmo de ter uma vida sexual e social normal, além de limitá-las de locomover-se por longas distâncias ou ficar sentadas por um grande período de tempo. O grupo ativo mostrou sentir menor percentual de dor, ao realizar atividade do cotidiano. Considerações finais: no presente estudo, recomenda que a prática da musculação seja algo rotineiro na vida das mulheres, não apenas na faixa etária estudada, mas principalmente que, desde jovem, a mulher exercite-se com cargas, prevenindo um climatério com dores e desconfortos.
 

Endereço: https://online.unisc.br/seer/index.php/cinergis/article/view/7903

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.