Educação do Corpo, Modernidade e os Salesianos em Escolas Brasileiras no Início do Século Xx

Por: Diego Ferreira Lima e .

Revista da Educação Física - UEM - v.29 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Qual seria a melhor estratégia de educação do corpo em uma instituição católica? Esse foi um debate que acomodou discursos modernos e tradições religiosas em escolas brasileiras no início do século XX. Analisar esse contexto pode ajudar a melhor compreender as relações entre os projetos de modernidade e as religiões em conciliação naquele período no Brasil. Tendo em vista tal consideração, esse estudo tem por objetivo observar como as práticas corporais eram utilizadas como conteúdos educacionais em instituições salesianas de ensino. Adotamos como recorte temporal as três primeiras décadas do século XX, momento crucial no que tange à estruturação da escolarização da educação física no Brasil. Conclui que os Salesianos em nenhum momento negaram suas tradições, mas souberam acomodar em seu cotidiano práticas corporais que até então eram estranhas, já que eram metódicas, racionalizadas, mas propiciavam por meio da educação do corpo a divulgação para as elites de seu projeto educacional marcadamente católico, mas ao mesmo tempo atual e dinâmico, condizente com os tempos modernos do início do século XX.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/34910

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.