Educação Física e a Intervenção Psicomotora Para Crianças do 1º Ano do Ensino Fundamental

Por: Eliane J Barbosa dos Reis, Fernanda Luciano Buges, Geiva Carolina Calsa, e Maria Teresa Martins Fávero.

XVI Congresso de Ciências do Desporto e Educação Física dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar o desenvolvimento psicomotor em crianças da Educação Infantil e avaliar os resultados de uma Intervenção Psicomotora nos alunos das escolas da rede municipal da cidade de Paranavaí onde os pibidianos do subprojeto de Educação Física atuam. Quanto aos objetivos da pesquisa à abordagem adotada se caracteriza como quali quantitativa. Quanto aos procedimentos da pesquisa, trata-se de um estudo de intervenção, longitudinal, quasi-experimental, do tipo antes e depois, com duração de 6 meses. O principal objetivo da análise e interpretação dos resultados foi verificar o efeito de uma intervenção com atividades psicomotoras em crianças com Dificuldades de Aprendizagem. A população foi formada pelos alunos que cursavam o primeiro ano do Ensino Fundamental no ano de 2015, enquanto a amostra foi formada pelos alunos que estavam matriculados em duas (2) escolas municipais em que o subprojeto PIBID de Educação Física atua. A avaliação psicomotora dos sujeitos foi realizada com base no teste proposto por Oliveira (2002). Os resultados do pré-teste evidenciam que 90% (90) das crianças avaliadas apresentaram resultados abaixo do esperado para a idade cronológica, enquanto 10% (10) estavam dentro do esperado para a idade cronológica. No pós-teste observamos uma inversão nos resultados, com 10% (10) das crianças abaixo do esperado para a idade cronológica e 90% (90) dentro ou acima do esperado para a idade cronológica, o que pode ser um indicativo de bons resultados da Intervenção Psicomotora.

Endereço: http://www.fade.up.pt/rpcd/entradaPT.html

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.