Educação Física e Atividade Motora Adaptada em Um Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil: Relato de Experiência

Por: Andrielle Christine Rosa Farias.

11° Congresso Brasileiro de Atividade Motora Adaptada - CBAMA

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho aborda a inserção da Educação Física e da Atividade Motora Adaptada em um Centro de Atenção Psicossocial InfantoJuvenil (CAPSi). Os CAPSi são serviços públicos de saúde mental que têm por objetivo atender crianças e adolescentes com transtornos mentais graves. Entre as atividades oferecidas no CAPSi, estão os grupos e oficinas terapêuticas. Neste contexto temos como objetivo descrever a experiência de inserção de um usuário com deficiência física e intelectual em um grupo de práticas corporais de um CAPSi. Para descrever a experiência e o desenvolvimento do usuário utilizamos os registros do prontuário que são feitos após cada atividade realizada. Fizemos a leitura de todos os registros e analisamos o desenvolvimento do usuário a partir das adaptações realizadas referente às suas limitações e possibilidades motoras, cognitivas e sociais. O usuário apresentou atraso em seu desenvolvimento motor, o que ocasionou a necessidade de adaptação nas atividades propostas. A participação na oficina também tornou-se um espaço que possibilitou ao usuário reconhecer melhor o seu corpo, contribuindo ainda para o desenvolvimento das relações sociais com os demais participantes do grupo.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.