Educação Física e Comunicação Social: Aproximações e Tensões

Por: Esteban Manuel Barcelona, Gustavo Roese Sanfelice e .

XXVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação - Intercom

Send to Kindle


Resumo

Os esportes e/ou atividades físicas enquanto fenômenos sociais têm, a cada dia que passa, maior incidência no modo de vida das pessoas. Por isso, os meios de comunicação, cada vez mais, operam estratégias que avultam sua importância para a Educação Física ao propor-se como mecanismo de mediação e oferecedor de significados. Neste texto interpõe-se uma discussão sobre os processos históricos de superação que fundamentaram os saberes/fazeres da Educação Física e Comunicação à luz da teoria crítica, com o propósito de fomentar a imperiosidade de inter-relação entre estes campos. Em termos conclusivos enfatiza-se que compreensão dos fenômenos associados à Educação Física/Esportes veiculados pelos Meios de Comunicação requerem propostas interdisciplinares, posto que a relação existente entre emissor/receptor abrange um feixe de relações dinâmicas.

Endereço: http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2004/index.html

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.