Educação Física Escolar, a Dança e o Ballet Clássico: Possíveis Interlocuções à Luz das Relações de Gênero

Por: , Lais Bernardes Monteiro, Rafael Marques Garcia, Ronaldo da Silva Junior e Victoria Sanches Cunha Leite de Morais.

Arquivos em Movimento - v.15 - n.2 - 2019

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho consiste de um ensaio reflexivo, desenvolvido a partir das discussões de graduandos/as em Educação Física e Dança da Universidade Federal do Rio de Janeiro durante o curso da disciplina de Gênero e Sexualidades na Educação Física e Esportes. Neste trabalho, tivemos por objetivo apresentar a experiência partilhada da autoria do texto no que se refere a um bloco de conteúdo da disciplina, que versava sobre Educação Física, práticas corporais e cultura popular, não sendo as únicas temáticas debatidas, no entanto, para este trabalho, restringimo-nos a apenas esta unidade para análise. As demais, acreditamos serem melhores outras problematizações em futuros momentos. Para tanto, todos os 30 encontros, de 2 horas cada, e seus eventuais acontecimentos foram registrados em um diário de campo, posteriormente lidos, relidos e destacados conforme as aparições mais significantes, possibilitando assim a formulação de duas grandes unidades de análise: 1- Gênero, Sexualidades e Educação Física escolar; e 2- A Dança e o Ballet Clássico. Diante desses apontamentos, pudemos inferir o quão as relações de gênero com base em preceitos patriarcais e machistas encontram-se circunscritas nos campos analisados e se estendem para outras camadas socioculturais. Problematizar esses processos irrompe como demanda urgente no que tange à construção de uma sociedade mais democrática e igualitária para pessoas, não reclusa apenas ao binarismo de gênero e a preceitos engessados que permeiam os campos em questão.

Referências

ALTMANN, Helena. Educação física escolar: relações de gênero em jogo. São Paulo, Cortez, 2015.

AMARAL, Jaime. Das danças rituais ao ballet clássico. Revista Ensaio Geral, Belém, v. 1, n. 1, p. 1-6, 2011.

ANDREOLI, Giuliano Souza. Dança, gênero e sexualidade: um olhar cultural. Conjectura, Rio Grande do Sul, v. 15, n. 1, p. 107-118, jan./abr. 2010.

ARAÚJO, Ana Beatriz Carvalho de; DEVIDE, Fabiano Pries. “Gênero” e “sexualidade” na formação em Educação Física: uma análise dos cursos de licenciatura das instituições de ensino superior públicas do Rio de Janeiro. Revista Arquivos em Movimentos, Rio de Janeiro, v. 15, n. 1, p. 25-41, jan./jul. 2019.

ARIÈS, Philippe. História social da criança e da família. Tradução Dora Flaksman. 2ed. Rio de Janeiro: Guanabara, 1986.

BARBOSA, Maria Raquel; MATOS, Paula Mena; COSTA, Maria Emília. Um olhar sobre o corpo: o corpo ontem e hoje. Psicologia & Sociedade, Belo Horizonte, v. 23, n. 1, p. 24-34, 2011.

BRITO, Leandro Teófilo de; LEITE, Miriam Soares. Sobre masculinidades na Educação Física escolar: questões teóricas, horizontes políticos. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n. 2, p. 481-500, mai./ago. 2017.

DINIS, Nilson Fernandes. Educação, relações de gênero e diversidade sexual. Educação e Sociedade, Campinas, v. 29, n. 103, p. 477-492, mai./ago. 2008.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade, v.1: A vontade de saber. Rio de Janeiro: Graal ed., 1988.

FUX, Maria. Dança, experiência de vida. 2 ed. São Paulo: Summus editorial, 1983.

GARCIA, Rafael Marques; BRITO, Leandro Teofilo de. Performatizações queer na Educação Física escolar. Movimento, Porto Alegre, v. 24, n. 4, p. 1321-1334, dez. 2018.

GOELLNER, Silvana Vilodre. Mulher e esporte no Brasil: entre incentivos e interdições elas fazem história. Pensar a Prática, Goiânia, v. 8, n. 1, p. 85-100, jan./jun. 2005.

GOELLNER, Silvana Vilodre. A educação dos corpos, dos gêneros e das sexualidades e o reconhecimento da diversidade. Cadernos de Formação RBCE, Campinas, p. 71-83, mar., 2010.

GONÇALVES, Maria Augusta Salin. Sentir, pensar, agir: corporeidade e educação. São Paulo: Papirus Editora, 1994.

LOURO, Guacira Lopes. Um corpo estranho: Ensaios sobre sexualidade e teoria queer. 2ª ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2013.

MAGALHÃES, Marta Claus. A dança e sua característica sagrada. Existência e Arte-Revista Eletrônica do Grupo PET – Ciências Humanas, Estética e Artes da Universidade Federal de São João Del-Rei, São João del-Rei, ano I, n. I, p. 1-4, jan./dez. 2005.

MARINHO, Vítor. O que é Educação Física? 5a. ed. São Paulo: Editora Brasiliense, 1983.

MEDINA, João Paulo Subirá. A Educação Física cuida do corpo... e mente. Campinas: Papirus Editora, 1992.

MONTEIRO, Laís Bernardes. Análise dos Elementos educativos vinculados à dança folclórica. Monografia (64p). Escola de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1998.

OLIVEIRA, José Guilmar Mariz. Preparação em Educação Física e em Esportes. In: Coletâneas do III Encontro Nacional de História do Esporte, Lazer e Educação Física. Curitiba: UFPR, 1995.

OLIVEIRA, Pedro Paulo de. Discursos sobre a Masculinidade. Estudos Feministas, Florianópolis, v. 6, n. 1, p. 91-114, jan. 1998.

PEREIRA, Flávio Medeiros. Dialética da cultura física: introdução à crítica da educação física, do esporte e da recreação. São Paulo: Ícone, 1988.

PEREIRA, Roberto. A formação do balé brasileiro: nacionalismo e estilização. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2003.

PEREIRA, Erik Giuseppe Barbosa. Discutindo gênero, corpo e masculinidade. In: ROMERO, Elaine; PEREIRA, Erik Giuseppe Barbosa. (Orgs.). Universo do corpo: Masculinidades e feminilidades. Rio de Janeiro: Shape; 2008. p. 87-101.

PEREIRA, Erik Giuseppe Barbosa; PONTES, Vanessa Silva; RIBEIRO, Carlos Henrique Vasconcellos. Jogos Olímpicos de Londres 2012: brasileiros e brasileiras em foco. Revista de Educação Física da UEM, Maringá, v. 25, n. 2, p. 257-271, jun. 2014.

SCOTT, Joan. “Gênero: Uma categoria útil de análise histórica”. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 20, n. 2, p. 71-99, jul./dez. 1995.

SOUSA, Eustáquia Salvadora de; ALTMANN, Helena. Meninos e meninas: expectativas corporais e implicações na educação física escolar. Caderno CEDES, Campinas, v. 19, n. 48, p. 52-68, agosto 1999.

Endereço: https://revistas.ufrj.br/index.php/am/article/view/27671

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.