Educação Física nos Anos Iniciais no Distrito Federal: da Elaboração Política Ao Trato Pedagógico

Por: Daniel Cantanhede Behmoiras, Juliana de Oliveira Freire e .

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho objetiva realizar uma breve reflexão teórica acerca da intervenção pedagógica, no ano de 2012, do Projeto Educação com Movimento: Educação Física nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental . Este Projeto-Piloto visa garantir o Professor de Educação Física como ministrante do componente curricular Educação Física em todas as escolas públicas que ofertam Anos Iniciais do Ensino Fundamental (AIEF) na Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF). Esse projeto deu-se inicio em 2011, coordenado por uma nova gestão da Diretoria de Desporto Escolar e Educação Física – (DIDESC) . Essa nova diretoria iniciou uma série de medidas para suprir a carência das políticas educacionais voltadas para a Educação Física. Afinada com uma reivindicação histórica de setores progressistas da área, a DIDESC apostou em um projeto que implementasse a Educação Física nos AIEF nas escolas públicas do DF. Para a realização desse texto foram realizados pesquisa bibliográfica sobre os temas correlatos, também pesquisa documental, que abrangeu a legislação educacional, o Projeto Básico da DIDESC/SEDF, o Projeto Político Pedagógico Carlos Mota (2012), os relatórios de gestão, os planejamentos e relatórios feitos por uma das professoras que implementaram o projeto, bem como a observação participante das aulas realizadas. Conclui-se com a análise desse trabalho a importância de ensinar nossos alunos não só a apreensão dos movimentos historicamente construídos pela Cultura Corporal, mas colaborar para a formação humana, quanto ao respeito aos direitos do outro e da luta por seus direitos. É um longo e árduo caminho, mas é estimulante saber que os passos que já foram dados já começam a surtir efeitos. Perceber que toda essa experiência vivenciada cotidianamente pode ser ampliada por toda a rede de ensino do Distrito Federal, evidencia a responsabilidade de se garantir a apropriação dos elementos teóricos e práticos que justifiquem a inserção do(a) Professor(a) de Educação Física nessa etapa do ensino básico e que o registro e a socialização desta experiência são fundamentais para a ampliação da política. Como avanço, também cabe destacar as ações realizadas garantiram o Projeto no PPP Carlos Mota(2012) e a ampliação desta experiência, de duas escolas e três professores(as) em 2011 e 2012, para quinze escolas e trinta professores(as) em 2013.

Endereço: http://cbce.tempsite.ws/congressos/index.php/conbrace2013/5conice/paper/view/5616

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.