Educação Psicomotora: Ideações Pedagógicas de Docentes Formados em Educação Física na Formação de Professores Para a Educação Infantil

Por: Maria Aparecida da Silva Moura.

186 páginas. 2017 23/10/2017

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho localizou-se na Linha MEC, Mídias, Educação e Comunicação, abordando a temática educação psicomotora e seus benefícios na educação infantil. A tese defendida foi a de que o profissional formado em educação física e atuante na graduação desse curso teria um conhecimento mais abrangente a respeito desse tema, bem como, das categorias elencadas para o estudo e sua relevância na infância. Assim, apresentou como objetivos: “investigar, estudar e compreender qual o grau de importância que os docentes universitários, formados e atuantes no curso de graduação em Educação Física, atribuem às categorias: 1) Psicomotricidade, 2) Educação Psicomotora, 3) Desenvolvimento humano e desenvolvimento motor e 4) Aprendizagem Motora. Visa identificar, analisar e descrever as ideações que esses professores possuem acerca da Educação Psicomotora e seus benefícios na Educação Infantil”. Tratamos, aqui, de uma pesquisa exploratório-analítica com abordagens quantitativa e qualitativa, utilizando-se de um instrumento misto - afirmações fechadas (Escala Likert, de cinco pontos) e três questões abertas (Análise de Conteúdo). Como população-alvo, contamos com a participação de 10 docentes formados e atuantes na graduação de educação física de uma instituição de Ensino Superior - IES, na cidade de Uberlândia. Em síntese, os resultados revelaram que esses profissionais da área do movimento, na sua prática pedagógica, atribuem graus de importância diferenciados em alguns aspectos da pesquisa, mas em outros, concordam na maioria dos itens pesquisados. Percebemos que nas categorias Psicomotricidade, Educação Psicomotora e Desenvolvimento motor humano, os graus de valorização se aproximam, já na categoria Aprendizagem Motora, houve maior divergência e posição de neutralidade em alguns questionamentos, alternando os valores atribuídos aos graus de importância da pesquisa. Concluímos que a Educação Física na educação infantil, utilizando como metodologia de trabalho a educação psicomotora, oferece papel relevante e tem como principal objetivo oportunizar e viabilizar estratégias em que as crianças se desenvolvam com autonomia, criatividade, iniciativa, despertando potenciais. A educação psicomotora como vertente da Psicomotricidade, aliada aos processos de desenvolvimento psicomotor e aprendizagem motora, é de grande valia para a construção das bases motoras na infância.

Endereço: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19805

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.