Efeito Agudo do Paracetamol na Temperatura Corporal, Amonemia e Desempenho em Ciclistas Durante Exercício em Ambiente Termoneutro

Por: Thaysa Passos Nery Chagas.

68 páginas. 2018 22/02/2018

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Embora haja discordância, sugere-se que os antipiréticos reduzem a temperatura corporal durante o exercício físico em diferentes condições ambientais. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito agudo do paracetamol na temperatura corporal, metabolismo da amônia e desempenho após o exercício sob um ambiente com baixo estresse térmico. Métodos: Oito ciclistas treinados do sexo masculino, foram divididos em dois grupos: suplemento com paracetamol (PCT) e placebo (PLA), duplo-cego e crossover. Ambos os grupos realizaram uma sessão de ciclismo de 30 minutos e logo em seguida realizaram teste de exaustão (TE). A temperatura corporal e as amostras de sangue foram obtidas em repouso, durante e após o exercício. Os testes cognitivo-motores foram realizadas antes e depois da sessão de ciclismo, e o tempo de exaustão foi utilizado para avaliar o desempenho físico. Resultados: a temperatura corporal do PLA aumentou significativamente nos momentos 30 min e TE (37,5 ± 0,17ºC e 37,4 ± 0,13ºC, respectivamente), mas não no grupo PCT. As concentrações de amônia, ureia e urato no sangue não apresentaram diferença significante entre os grupos. Observou-se um aumento significante no lactato no momento TE em ambos os grupos. Não houve diferença significante nos tempos de exaustão entre os grupos e nos testes cognitivo-motores após o protocolo. Conclusão: PCT (500 mg) atrasou a elevação da temperatura corporal durante o exercício contínuo, mas não durante o teste incremental máximo. No entanto, não foram observados efeitos no amônia plasmática e no desempenho físico ou cognitivo-motor devido ao PCT sob condições de baixo estresse térmico.

Endereço: https://ri.ufs.br/handle/riufs/7835

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.