Efeito da Suplementação com L-arginina e do Exercício Físico na Pressão Arterial e na Frequência Cardíaca de Uma Idosa Hipertensa: Estudo de Caso

Por: Angela Mara Rambo e Carlos Ricardo Maneck Malfatti.

Cinergis - v.13 - n.1 - 2012

Send to Kindle


Resumo

A hipertensão arterial é uma das doenças com maior prevalência nos dias atuais, sendo o motivo de grande índice de mortalidade e tendo como causas fatores hereditários e hábitos diários. A L-arginina é um aminoácido sintetizado pelo organismo que exerce importante função no que se refere principalmente a problemas cardíacos e circulatórios. O objetivo desse estudo foi verificar o comportamento da pressão arterial (PA) e da frequência cardíaca (FC) em uma idosa hipertensa (60 anos) antes, durante e após teste de esforço físico suplementados com L-arginina. Através de um estudo de caso a participante realizou duas sessões de exercícios a 40% da FC de reserva uma com placebo e outra sessão com L-arginina. A intensidade foi controlada pela velocidade na esteira (3,8 km/h), pela escala de percepção subjetiva de esforço (PSE) e FC. Foi observado redução na PA e na FC quando comparado ao exercício com placebo. Conclui-se que a L-arginina aliada ao exercício, pode ter contribuído para a diminuição da PA e da FC da participante hipertensa antes, durante e após exercício físico.

Endereço: https://online.unisc.br/seer/index.php/cinergis/article/view/2557

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.