Efeito do Aine Ibuprofeno Sobre Variáveis Cardiopulmonares Determinadas em Laboratório

Por: Claudia Adriana Bruscatto, Eduarda Celia de Palma, Eduardo Ramos da Silva, Jorge Pinto Ribeiro e .

DO CORPO: ciências e artes - v.1 - n.1 - 2011

Send to Kindle


Resumo

Objetivo: Ensaio clínico randomizado com o objetivo de investigar o efeito da administração profilática do AINE Ibuprofeno sobre variáveis cardiorrespiratórias de corredores experientes em provas de 10 km. Metodologia: quatorze corredores competitivos de nível local e nacional (29.4±9.3 anos; 1997±65.3 segundos como melhor tempo declarado), realizaram dois testes ergoespirométricos de corrida progressiva em esteira rolante (velocidade inicial de 9 km.h-1 com incremento de 1 km.h-1 a cada minuto e inclinação fixa em 1%), sendo cada teste realizado em uma condição diferente: com administração prévia e via oral de dose única de 1.2g de Ibuprofeno ou placebo (duplo-cego). Os testes foram separados por 120h de intervalo para evitar efeito de carreamento do fármaco. Resultado: o consumo máximo de oxigênio foi afetado negativamente pelo fármaco (p=0.04) enquanto duração do teste, velocidade máxima, FCmáx, Rmáx, VEmáx e percepção de esforço máxima não diferiram significativamente. A velocidade relativa ao segundo limiar ventilatório (p=0.01), FC (p=0.05), à percepção de esforço (p=0.01) e VE (p=0.02) foram inferiores na situação Ibuprofeno, sendo que o VO2 no Limiar foi semelhante. Conclusão: o uso de AINE por corredores de alto desempenho pode interferir negativamente nos padrões hemodinâmicos, quando em exercícios realizados em domínio severo.

Endereço: http://www.ucs.br/etc/revistas/index.php/docorpo/article/view/1293

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.