Efeito do Fortalecimento de Músculos do Quadril e Tronco Sobre a Cinemática dos Membros Inferiores Durante a Descida de Degrau

Por: Vanessa Lara de Araujo.

88 páginas. 2013 15/02/2013

Send to Kindle


.Resumo

Introdução: Durante atividades em cadeia cinemática fechada, como a descida de degraus, os movimentos de rotação medial e adução do quadriI são frequentemente acoplados à rotação medial e adução da coxa, ao deslocamento da articulação do joelho em direção à linha média do corpo (valgismo dinâmico do joelho), à rotação medial da perna e à pronação do complexo tornozelo-pé (CTP). O excesso desses movimentos está comumente relacionado à ocorrência de lesões no sistema musculoesquelético. A capacidade das estruturas do quadril em resistir ativamente e/ou passivamente à rotação medial e adução dessa articulação parece ser determinante para o controle do excesso de movimento do quadril, joelhoe CTP nos planos frontal e transverso e, consequentemente, para prevenção de lesões. Além disso, considerando a existência de conexões entre tecidose segmentos corporais, músculos do tronco também teriam potencial para influenciar a cinemática dos membros inferiores. Objetivos: (1) Investigar o efeito de um protocolo de fortalecimento de músculos do quadril (rotadores laterais e abdutores) e tronco (grande dorsal; rotadores e flexores laterais do tronco) sobre o desempenho muscular e sobre as propriedades passivas do quadril em mulheres saudáveis; (2) Investigar o efeito desse protocolo sobre a cinemática do membro inferior nos planos frontal e transverso durante a atividadede descida de degrau. Materiais e método: Um estudo experimental foi realizado com 34 mulheres, sendo 17 do grupo experimental (idade de 22,41 ± 3,81 anos) e 17 do grupo controle (idade de 21,71 ± 2,08 anos). O grupo experimental realizou três sessões semanais de fortalecimento de músculos do quadril e tronco durante oito semanas com cargas altas, enquanto os indivíduos do grupo controle foram orientados a continuar suas atividades habituais durante o período da intervenção. Antes e após a intervenção, as participantes foram submetidas aos seguintes testes: (1) avaliação do trabalho máximo concêntrico e excêntrico dos rotadores laterais do quadril no dinamômetro isocinético;

Endereço: http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/handle/1843/BUOS-97VHPJ

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.