Efeito da Estimulação Cortical na Variável Tempo de Reação e Performance Hábil-motriz-cognitiva em Jovens Atletas de Futebol

Por: Anderson Pontes Morales, Felipe Sampaio Jorge, Márcia Maria dos Anjos Azevedo, Sileno Martinho Silva Ribeiro Júnior e Vernon Furtado da Silva.

Motriz - v.16 - n.4 - 2010

Send to Kindle


Resumo

O estudo verificou-se o efeito da estimulação cortical no tempo de reação e eficiência hábilmotriz-cognitiva em atletas de futebol, pré e pós-estimulação cortical A amostra de (N=20) atletas masculino de futebol da categoria infantil. Os participantes foram divididos em 2 grupos, controle e experimental, sendo o grupo experimental submetido à estimulação. Foram realizadas 10 sessões, de 20'. Os dados do teste foram tratados através de uma análise de variância paramétrica (ANOVA) two way. A média de acertos / pelo tempo de reação obteve ganho significativo para o grupo experimental quando comparada ao controlo no momento pós-teste (P<0.05). No grupo experimental obteve ganho significativo na melhora do tempo de reação quando comparado ao grupo controle (p<0.05). No intra-grupos, o grupo que recebeu o treinamento combinado, obteve melhoras significativas comparados o pré e pós-teste (p<0,05). Concluiu-se que o treinamento combinado pode-se aprimorar a aprendizagem motora em diversas áreas de conhecimento e esporte. 

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1980-6574.2010v16n4p869/pdf_8

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.