Efeito do Método Pilates na Flexibilidade de Idosos

Por: A. A. G. Guimarães, A. Soares, J. P. N. Simas, S. F. Azevedo, V. T. F. Jonck e Zenite Machado.

XIV Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Objetivo:
Verificar o efeito do método pilates no nível de flexibilidade do quadril e de ombro de idosos de ambos os sexos.

Métodos:
Estudo quase-experimental de delineamento intervenção, com grupo controle pré e pós teste de amostras distintas, sendo 30 idosos do Grupo Controle e 30 do Grupo de Pilates (intervenção) com 12 semanas de treinamento, duas sessões semanais. Utilizou-se um formulário para caracterizar a amostra e aferição da flexibilidade de quadril e de ombro. Fezse uso do SPSS – versão 16.0, para cálculo da estatística descritiva e inferencial por meio do Teste do Qui-Quadrado (significância de p<0.05).

Resultados:
Na flexibilidade do quadril os 30 idosos do grupo controle permaneceram na classificação normal e inferior, não apresentando diferenças entre as variáveis (p= 0,180) do pré-teste para o reteste. No grupo intervenção 60% foram considerados normais, este percentual aumentou para 66,7% no reteste. Na classificação superior o percentual de 10% obtido no pré-teste aumentou para 33% no reteste, não havendo significância entre as variáveis (p= 0.180). Ainda no grupo intervenção, na flexibilidade de ombro 63% dos idosos encontravamse na classificação normal e 17% na superior, diminuindo este número para 47% na classificação normal e 33% na classificação superior no reteste, havendo um aumento de 17% para a variável superior no reteste, com diferença significativa (p= 0,001).

Conclusão:
Idosos que não praticam atividade física regular tendem a apresentar menor grau de flexibilidade, além do que é reduzido devido ao avanço da idade. Sugere-se a prática do método pilates a fim de prevenir e melhorar estas limitações.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.