Efeitos da Cadência de Pedalada Sobre a Potência Mecânica e Variáveis Fisiológicas

Por: André Calil e Silva, , , , Luiz Alberto Batista e Marcelo Ricardo Cabral Dias.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.9 - n.3 - 2007

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi comparar as respostas das variáveis potência máxima (Pmax), freqüência cardíaca (FC), percepção de esforço (PE), pressão arterial sistólica (PAS), pressão arterial diastólica (PAD) e duplo produto (DP) na carga máxima atingida e durante os testes de 60 e 90 rpm. A amostra deste estudo constou de 14 homens (26,5 ± 3,5 anos, 78,5 ± 7,8 kg e 178,1 ± 7,0 cm) praticantes de aulas de ciclismo “indoor”, que realizaram dois testes de esforço máximo, segundo o protocolo incremental de Balke. O primeiro teste (test60) consistiu de uma cadência de pedalada de 60 rpm até a exaustão voluntária ou o aparecimento de sinais ou sintomas limitantes. Já o segundo teste (test90) utilizou a cadência de pedalada de 90 rpm. Não houve diferença signifi cativa da FCmax (test60: 189,7±12,0 bpm; test90: 190,9±10,7 bpm), PEmax (test60: 20,0±0,3; test90: 20,0±1,0) e PADmédia (test60: 76,7±4,9 mmHg; test90: 79,1 ± 5,3 mmHg) entre as cadências testadas. Por outro lado, os valores de Pmax (test60: 344,6±70,1 W; test90: 285,7±61,8 W), PASmax (test60: 186,1±14,7 mmHg; test90: 202,1±21,5 mmHg) e DPmax (test60: 35402,9±4431,7; test90: 38655,0±5270,5) foram diferentes. Em relação ao comportamento das variáveis durante os testes, houve diferença signifi cativa da FC entre os testes até 225 W. Observou-se que tanto na PE, quanto na PAD, não houve diferença significativa em nenhuma potência absoluta. Para PAS e para o DP, houve diferença signifi cativa entre as cadências somente na potência absoluta de 300 W. Com isso, fi ca claro que realizar testes máximos, mesmo em protocolos que não prescrevam a cadência de pedalada, parece ser indicado pedalar a 60 rpm.


 

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/4083

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.