Efeitos da Intensidade do Exercício de Força Sobre a Cinética da Frequência Cardíaca

Por: Lenifran de Matos Santos, Marcos Bezerra de Almeida e Sebastião Barbosa Netto.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.23 - n.1 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Com o intuito de comparar as respostas da FC nos transientes rápidos inicial e final no exercício de força (extensão de joelho) realizado a 50%, 80% e 100% da carga para executar 10 repetições máximas (10RM), um grupo de 12 adultos jovens com no mínimo de seis meses de treinamento no exercício de força e assintomáticos foram monitorados continuamente durante três momentos: repouso, exercício e recuperação, sempre em períodos de 15 s, mediante um cardiofrequencímetro. A cadência do exercício foi controlada por um metrônomo. Nas três fases do experimento, os valores absolutos da frequência cardíaca (intervalos RR medidos em ms) foram agrupados em intervalos de tempo de 5 segundos e calculadas as médias para cada medida de frequência cardíaca. Todos os níveis de variáveis apresentaram distribuição normal de acordo com o teste de Kolmogorov-Smirnov (p>0,05), logo foi plicada a estatística paramétrica por intermédio da análise de variância (ANOVA) de dois fatores, sendo adotado um nível de significância de 5%. Concluímos que apesar da carga mais elevada apresentar valores médios mais altos, a cinética da resposta da frequência cardíaca nos transientes rápidos inicial e final não é influenciada pela intensidade do exercício na extensão de joelho unilateral.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/4754

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.