Efeitos da Idade Cronológica e da Maturação Biológica Sobre a Aptidão Física em Praticantes de Futebol de 13 a 17anos

Por: C. A. Zuhl e R. Villar.

Motricidade - v.2 - n.2 - 2006

Send to Kindle


Resumo

69 { Investigação Efeitos da idade cronológica e da maturação biológica sobre a aptidão física em praticantes de futebol de 13 a 17 anos. Rodrigo Villar, Cleiton André Zühl Universidade Federall de Mato Grosso - Laboratório de Fisiologia do Esforço – UFMT – Cuiabá – MT Villar,R.; Zühl, C.A. (2006). Efeitos da idade cronológica e da maturação biológica sobre a aptidão física em praticantes de futebol de 13 a 17 anos. Motricidade 2 (2): 69-79 Resumo O objetivo deste estudo foi verifi car o efeito da idade cronológica e maturação biológica sobre a velocidade de corrida no limiar anaeróbio, potência aeróbia e capacidade anaeróbia em meninos praticantes de futebol de 13-17 anos. Participaram do estudo 109 voluntários, distribuídos em três grupos de idade cronológica (13 anos; 14-15 anos e 16-17 anos) e maturação biológica (púbere G2-G3; pós-púbere G4-G5). Os indivíduos foram submetidos a um teste máximo de 40 s e 5 min. A partir desses dados foi calculada a velocidade de corrida no limiar. A potência aeróbia e capacidade anaeróbia apresentaram aumento em função da idade cronológica e maturação. A velocidade de corrida no limiar obteve manutenção dos 13 aos 15 anos, diminuindo aos 16-17 anos. Porém, para maturação biológica ocorreu manutenção da puberdade para a pós-puberdade. Com base nestes resultados, pode-se concluir que o treinamento de futebol parece manter a velocidade de corrida no limiar quando a maturação é considerada, diferente de quando a idade cronológica é adotada. Portanto, pode-se sugerir que a maturação mostra de maneira mais clara e precisa as modifi cações ocorridas nessas fases. E ainda, pela manutenção do limiar, ao invés de queda, sugere-se efeito de treinamento, sendo dependente da maturação. Palavras-Chave: aptidão física, adolescentes, maturação, treinamento e futebol. Data de submissão: 18-11-2005 Data de aceitação: 25-03-2006 Abstract Effect of chronological age and biological maturation under physical fi tness in soccer players on the aged 13 to 17 years: The purpose of this study was to verify the effects of both chronological age and biological maturation on the velocity at the anaerobic threshold, anaerobic capacity and aerobic power in young males (13-17 year-old) soccer players. Hundred-nine volunteers were assigned into three groups of chronological age (13; 14-15; and 16-17 year-old) and maturation (Pubertal G2-G3; Post-pubertal G4-G5). The participants run both a forty-second maximal test and 5- minute test, being their results used to calculate the velocity at the anaerobic threshold. Both anaerobic capacity and aerobic power increased as a function of chronological age and maturation. The velocity at the anaerobic threshold was not different from 13-15 yearold but decreased in the 16-17 year-old. However, when biological maturation was taken into account, no difference in the velocity at the anaerobic threshold between pubertal and post-pubertal was found. It was concluded that physical conditioning acquired from soccer training seems to preserve the velocity at the anaerobic threshold only when the maturation, but not chronological age, is considered. Therefore, it is suggested that: maturation is a better factor to be used in order to analyze modifi cations occurring from 13- 17 year-old; and that there is a training effect which can be dependent on biological maturation. Keywords: fi tness, adolescents, maturation, training and soccer. miolon2-vol2b.indd 7 17-07-2006 0:01:24

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.