Efeitos da Ingestão de Diferentes Soluções Hidratantes nos Níveis de Hidratação e na Frequência Cardíaca Durante Um Exercício de Natação Intervalado

Por: Fabrícia G. Ferreira, Graciene L. de Almeida e .

Revista Portuguesa de Ciências do Desporto - v.7 - n.3 - 2007

Send to Kindle


Resumo

Este estudo objectivou identificar os níveis de hidratação e a interferência na frequência cardíaca decorrente da adopção de diferentes procedimentos de hidratação durante um exercício de natação intervalado. Um total de 15 atletas do sexo masculino com faixa etária entre 18 e 26 anos (20,7±3,8 anos) foram submetidos aos procedimentos: a) nenhum tipo de hidratação, b) hidratação com placebo c) hidratação com Gatorade®. Cada tratamento experimental correspondeu a uma distância total de 4150 metros divididos em 250 metros de aquecimento; 1 x 400 metros à velocidade máxima; 1 x 100 metros em recuperação; 10 x 250 metros à 85-90% da velocidade máxima para esta distância, com intervalos de 50 metros de recuperação e 400 metros em velocidade máxima. Foi mensurada a frequência cardíaca, o peso corporal antes e depois de cada teste, a quantidade de líquido consumido durante o exercício e a urina produzida, para estabelecer os níveis de hidratação. O tratamento estatístico indicou não haver diferença estatisticamente significativa (p>0,05) no efeito tempo e entre os grupos em nenhum dos dois parâmetros analisados. Pode–se concluir que os procedimentos de hidratação adoptados não influenciaram na resposta da frequência cardíaca e nível de hidratação durante o modelo experimental desenvolvido.

Endereço: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1645-05232007000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.