Efeitos da Suplementação de Creatina no Metabolismo Glico-lipídico: Possíveis Aplicações Terapêuticas

Por: Antonio Hebert Lancha Junior, Bruno Gualano e Guilherme Giannini Artioli.

Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte - v.7 - n.1 - 2008

Send to Kindle


Resumo

Diversos estudos indicam que a creatina é capaz de aumentar o desempenho em atividades intermitentes de alta intensidade. Novas evidências têm indicado que a creatina também pode ser efetiva em modular o perfil glico-lipídico. Alguns trabalhos têm demonstrado que a creatina potencializa melhoras na tolerância à glicose, perfil lipídico e sensibilidade à insulina promovidas pelo exercício. Embora não se saiba ao certo se o mecanismo de tais adaptações, a aplicabilidade dessa estratégia parece ser muito promissora em quadros caracterizados por resistência à insulina, como diabetes tipo II e obesidade. Nessa revisão, apresentamos uma descrição crítica dos artigos sobre o tema, destacando o potencial terapêutico da creatina, as lacunas na literatura e os eventuais mecanismos moleculares e fisiológicos responsáveis por tais adaptações.

Endereço: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/remef/article/view/1234

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.