Efeitos de Um Programa Educacional de Autocuidado de Coluna em Idosos da Comunidade com Dor Lombar Crônica

Por: Júlia Catarina Sebba Rios.

130 páginas. 2014 29/07/2014

Send to Kindle


Resumo

Dor lombar crônica não específica (DLCNE) é uma das condições mais comuns e terapeuticamente desafiadoras que atingem os idosos, e está associada a consequências adversas incluindo incapacidade funcional e aumento do uso de recursos de saúde. O autotratamento é visto como uma das formas de tratamento apropriado da DLCNE. Este estudo teve por objetivo verificar os efeitos de um programa educacional de autocuidado de coluna, na dor e na incapacidade em idosos da comunidade com DLCNE. Dois Centros de Convivência de Idosos (CCIs) do Distrito Federal foram escolhidos e divididos por meio de sorteio em grupo experimental (GE n = 42) e controle (GC n = 31). A intervenção consistiu na entrega de uma Cartilha de Autocuidado de Coluna e três workshops semanais. Foram variáveis dependentes: 1. intensidade da dor (EVN e EQD), 2. capacidade funcional relacionada à DL (RMQ), 3. número de pontos de dor (diagrama corporal), 4. frequência de uso de medicação para DL. Houve avaliação pré e após 1 mês da primeira avaliação, para análise dos dados intragrupo foi utilizado o Teste de Wilcoxon e para a análise intergrupo o Teste U de Mann-Whitney. Na avaliação intragrupo foi observada no GE diminuição significativa (todos p < 0,001) com grandes tamanhos de efeito (todos TE [maior ou igual a] 0,63) de todos os parâmetros avaliados, fato não observado no GC. Quanto à análise intergrupo houve melhora significativa de todas as variáveis dependentes (todos p < 0,001) com tamanhos de efeitos grandes no GE para: 1. EVN (TE = 0,65) e EQD (TE= 0,55), 2. RMQ (TE = 0,65), 3. número de pontos de dor (TE = 0,73), e tamanho de efeito moderado para: 4. frequência de uso de medicação para DL (TE = 0,46). Os resultados em curto prazo deste programa educacional de autocuidado de coluna demonstram eficácia em reduzir dor e incapacidade em idosos da comunidade com DLCNE e apontam a Cartilha, juntamente com os workshops, como ferramenta capaz de gerar independência no cuidado da DL. 

Endereço: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17142

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.