Efetividade do Isostretching e de Exercícios Aeróbicos com Reabilitação Virtual no Tratamento da Fibromialgia

Por: Marcelo Silva de Carvalho.

127 páginas. 2014 26/06/2014

Send to Kindle


Resumo

Introdução: A Fibromialgia é uma síndrome dolorosa crônica, não articular e não inflamatória, cujo tratamento envolve uma abordagem interdisciplinar. Há um consenso na literatura sobre a importância da prática de exercícios físicos no tratamento da fibromialgia, buscando minorar sua sintomatologia, porém, ainda não há concordância final sobre o tipo de exercício mais indicado. O Isostretching consiste de uma técnica de alongamento de cadeias musculares que pode ser realizada em grupos, mas que ainda não foi utilizada em pesquisas para tratamento de pacientes fibromiálgicos; o mesmo ocorre com os exercícios aeróbicos utilizando a reabilitação virtual, que permite a realização de movimentos. Objetivo: Verificar a efetividade do Isostretching e de exercícios aeróbicos com reabilitação virtual no tratamento da fibromialgia. Material e Métodos: Foi realizado um ensaio clínico randomizado cego com 21 mulheres com diagnóstico de fibromialgia em conformidade com o Colégio Americano de Reumatologia, que foram divididas em dois grupos: um tratado com Isostretching (GI) e outro tratado com exercícios aeróbicos empregando o Nintendo Wii (GW). As pacientes foram avaliadas por meio do Questionário de Impacto da Fibromialgia (FIQ), da algometria digital, eletromiografia, pico de torque, índice de assimetria, baropodometria e teste do degrau. As intervenções foram aplicadas em três sessões semanais, com duração de uma hora, por oito semanas. Resultados: As duas modalidades terapêuticas são úteis no tratamento da sintomatologia da fibromialgia, em virtude da diminuição do impacto da fibromialgia e aumento do limiar de dor, sendo que a reabilitação virtual obteve os resultados mais precoces. Ambas as técnicas, durante as oito semanas de tratamento, não ocasionaram melhora no padrão eletroneuromuscular, pico de torque e na capacidade física. O Isostretching foi capaz de produzir benefícios em algumas variáveis baropodométricas como menor oscilação lateral, diminuição da pressão máxima e aumento da superfície de contato após 20 sessões. Enquanto os exercícios aeróbicos com reabilitação virtual promoveram melhoras mais significativas no índice da assimetria. Partindo dessa premissa, é importante mais trabalhos que elucidem as melhoras decorrentes dessas modalidades terapêuticas.

Endereço: https://bdtd.unifal-mg.edu.br:8443/handle/tede/572

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.