Elaboração, Validação e Aplicação Parcial de Um Modelo de Avaliação em Uma Escolinha de Natação Sincronizada do Município do Rio de Janeiro

Por: Sonia Maria Christianes de Oliveira Hercowitz.

235 páginas. 1994 20/12/1994

Send to Kindle


Resumo

Esta pesquisa teve por objetivo elaborar, validar e aplicar parcialmente um modelo de avaliação construído pela pesquisadora, com base em entrevistas de professoras de Natação Sincronizada (NS) do Município do Rio de Janeiro, com a participação do grupo ao qual foi aplicado, em função da realidade aparente das escolinhas. O estudo pretendeu proporcionar às profissionais de NS, não só um instrumento capaz de prover as informações necessárias para orientar decisões que sustentem a formulação e a reformulação da ação didática, como também uma base instrumental Teórico-metodológica que viabilize o processo avaliativo de forma constante nas escolinhas de NS do Muncípio do Rio de Janeiro. Quanto à metodologia, trata-se de uma pesquisa metodológica, por considerar a teoria e a prática dos instrumentos de mensuração, que se caracteriza como uma pesquisa de campo em que são feitas indagações sobre a comunidade da escolinha no local onde os fenômenos ocorrem. É fática, por lidar com os fatos empíricos e submetê-los a experimentação direta (Ferrari, 1982). Trata-se ainda de uma investigação de cunho fenomenológico, em razão de operar com os fenômenos apresentados pelo grupo através da análise situacional (Abtibol, 1987, Lyotard, 1986, Dartigues, 1992) através da qual as essências dos fenômenos foram revelados. É também uma pesquisa participante, uma vez que envolve toda a comunidade que constitui o nível I da escolinha do clube selecionado para este estudo. Evidencia-se como um estudo hermenêutico no momento em que interpreta a linguagem das alunas e da professora, registradas em um microgravador. Para elaborar o estudo foram elaboradas as seguintes questões: (a) existem modelos formais de avaliação aplicados nas escolinhas de NS do MRJ?; (b) quais os resultados obtidos com a aplicação parcial do modelo em relação aos objetivos selecionados para a Área I - processo de ensino-aprendizagem?; (c) quais os resultados obtidos com a aplicação do modelo para a Área II - recursos materiais e instalações?; (d) quais os resultados obtidos com a aplicação do modelo para a Área III - alunado?; (e) quais os resultados obtidos com a aplicação do modelo para a Área IV - professorado?; (f) qual as opiniões das professoras, alunas, diretora e coordenadora sobre a aplicação do modelo de avaliação aplicado em sua escolinha?. A validação do modelo do estudo foi feita por dez juízes especialistas em natação, avaliação e natação sincronizada, sendo uma doutora, uma doutoranda e oito mestres. O modelo é composto de quatro áreas de resultado e de quatro unidades, que se desdobram em trinta e uma sub-unidades. Foi julgado como coerente nas quatro áreas de resultado e em 30 sub-unidades. Apenas a sub-unidade 2.5 foi considerada incoerente por dois juízes, sendo então modificada, de acordo com as sugestões por eles apresentadas. A aplicação parcial do modelo de avaliação proposto ocorreu durante os meses de outubro, novembro e dezembro de 1993, no nível I da escolinha do clube B. Em relação às questões formuladas foram encontrados os seguintes resultados: (a) As professoras dos clubes A, B, C e D admitiram seu desconhecimento no que se refere a modelos de avaliação aplicados em escolinhas de NS no Município do Rio de Janeiro; (b) Na Área I - processo de ensino-aprendizagem - houve uma melhora da turma, coletivamente, e de cada aluna, individualmente, em 100% dos objetivos estabelecidos; (c) Os objetivos estabelecidos para a Área II - recursos materiais e instalações - não foram atingidos; (d) O objetivo estabelecido para a Área III - alunado - foi parcialmente atingido (33,33%); (e) O objetivo estabelecido para a Área IV - professorado - não foi alcançado; (f) O modelo de avaliação proposto no estudo obteve aprovação unânime do grupo ao qual foi aplicado (alunas, professoras e coordenadora). Acrescente-se que, além dos resultados que se relacionam com as questões do estudo, esta pesquisa revelou outros achados: (g) Constata-se o predomínio da Escola de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EEFD/UFRJ) na formação de profissionais especialistas em NS, sendo o trabalho realizado pelo grupo "Arte na água" responsável pela preparação e introdução no mercado de trabalho de 50% dos profissionais que hoje atuam em NS no Município do Rio de Janeiro; (h) As profissionais entrevistadas, pertencentes aos clubes A, B, C e D, revelaram haver duas metas para as alunas das escolinhas: alcançar a equipe de competição e participar de grupos de apresentação. Não foi possível constatar a existência de objetivos elaborados de forma a harmonizar o ensino pretendido, os procedimentos e a elaboração de instrumentos precisos de mensuração; (i) Os conteúdos de ensino selecionados para as escolinhas baseiam-se, segundo as profissionais entrevistadas, em teorias e na experiência adquirida através da prática, sendo que 10% fundamentam-se exclusivamente na experiência acumulada através da prática de NS e de seu ensino. Tais conteúdos são selecionados tendo-se em vista a meta de ingressar na equipe; (j) Os clubes B e C organizam seus conteúdos em diferentes níveis de ensino. Os clubes A e C não apresentam tal divisão. (k) Para o ingresso de alunas nas escolinhas, todos os clubes pesquisados realizam teste de sondagem. Para promover a aluna a um nível imediatamente superior, o clube B realiza testes quatro vezes ao ano, o clube D realiza teste eventuais, os clubes A e C não realizam testes formais, preferindo fazer a avaliação por meio de observações feitas durante o processo de ensino-aprendizagem, sem, entretanto, utilizar fichas para registro do desempenho das alunas; (l) As principais dificuldades encontradas nas escolinhas são a quantidade insuficiente de profissionais especializados em NS, pouco espaço para ministrar as aulas, deficiência de recursos materiais e número reduzido de alunas; (m) As escolinhas de NS funcionam de segunda a sexta nos clubes A, C e D, e três vezes por semana no clube B. O tempo de cada aula é de uma hora. Os clubes C e D oferecem mais uma hora de aula às alunas que apresentam melhor desempenho, esta seleção é feita através de observações diárias porém informais; (n) Com relação ao que gostariam de verificar no processo de ensino-aprendizagem, as professoras de todos os clubes pesquisados declararam ter interesse nos seguintes aspectos: 1. desenvolvimento das alunas nos três domínios; 2. revelação de aspectos positivos e negativos do processo de ensino-aprendizagem; e 3. discussão em torno da importância dos objetivos estabelecidos no programa; (o) O elenco de opiniões coletadas e discutidas, constata a aceitação, unânime, das alunas, professoras e coordenadoras, sobre o modelo de avaliação a que foram submetidas, como também a aprovação sobre cada um dos momentos do processo avaliativo; (p) Constata-se o impacto positivo, junto às alunas, professoras e coordenadora, provocado pela clareza dos objetivos formulados e utilizados na aplicação do modelo de avaliação; (q) Embora as alunas, professoras e coordenadoras tivessem considerado que os conteúdos de ensino, estavam organizados de acordo com os objetivos, a verificação da lista de conteúdos (Anexo VII) indicou à pesquisadora a ausência de instruções ligadas ao domínio cognitivo; (r) Constata-se a contribuição dos instrumentos de mensuração utilizados no modelo, para corrigir desvios durante o processo de ensino-aprendizagem com a conseqüente melhoria do desempenho da aluna.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=1334&listaDetalhes%5B%5D=1334&processar=Processar

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.