Em Busca do Elo Perdido : a Produção de Conhecimentos Científicos e Tecnológicos a Serviço da Qualificação das Políticas Públicas de Esporte e Lazer

Por: .

2014 26/02/2014

Send to Kindle


Resumo

A produção de conhecimentos sobre as Políticas Públicas de Esporte e Lazer e a viabilidade do desenvolvimento de novas tecnologias visando à qualificação da gestão pública do setor, foram tematizadas nesta tese. O problema detectado refere-se ao distanciamento entre pesquisadores responsáveis pela produção acadêmico-científica e tecnológica e os trabalhadores envolvidos com a formulação e gestão das referidas políticas, de um lado, e a necessidade da produção de conhecimentos sobre os temas, de outro. O aludido distanciamento tem sua gênese tanto no ethos dos estudos acadêmicos, em muitos casos saturados de um `academicismo¿ descomprometido com a gestão, como também no sentido excessivamente pragmático de muitos gestores, por vezes arredios às formulações teóricas e/ou conhecimento aplicado. Considerando a problematização apresentada, dados preliminares obtidos no desenvolvimento de pesquisas anteriores e os resultados de recente consulta à literatura, estabeleceu-se como objetivo a promoção da aproximação entre os agentes visando, a partir do trabalho coletivo, identificar, organizar e sistematizar informações confiáveis sobre os programas de esporte e lazer implantados no município de Goiânia e disponibilizá-las em um SIG. Para consecução do objetivo proposto tomou-se o método histórico crítico-dialético como parâmetro para trilhar o caminho visando desvendar o processo de inscrição da política de esporte e lazer na história recente do município, tomado como referência para o desenvolvimento de um estudo piloto, fundamental ao desenvolvimento de um Sistema de Informações Geográficas. Para além do referencial teórico, inserido na teoria do conhecimento de inspiração marxista, esta pesquisa pode ser caracterizada como um estudo piloto, no qual se articulou as técnicas de análise bibliográfica, documental e de campo. A análise bibliográfica teve, inicialmente, um caráter de estudo exploratório, a partir do qual foi possível produzir um levantamento crítico sobre o Estado da Arte, proporcionando uma apreensão qualificada acerca da pertinência do geoprocessamento na gestão de políticas públicas, evidenciando a relevância social, científica e contemporânea do tema. Complementarmente possibilitou o levantamento e a análise de importante material bibliográfico que subsidiou a discussão sobre a infraestrutura esportiva e de lazer, necessária à organização da Planilha de Dados e da Matriz Lógica dos Programas utilizadas na coleta de informações, na caracterização dos espaços/equipamentos do Programa Draulas Vaz e na definição dos atributos necessários ao desenvolvimento da interface. A superação do referido distanciamento não só foi possível como necessária à minimização dos efeitos da dicotomia trabalho intelectual/manual na criação do SIG-Esporte e Lazer, o qual possibilitou espacializar os locais nos quais a política se materializava, bem como a visualização de informações confiáveis sobre os programas, qualificando a gestão e, por decorrência, o planejamento urbano. Notou-se ampliação do comprometimento com as questões públicas do esporte e lazer dos envolvidos. A organização da base de dados possibilitou a geração de mapas temáticos, por meio dos quais se identificou a distribuição espacial e a área de abrangência dos referidos espaços e equipamentos e viabilizará correlações e análises necessárias ao monitoramento e a avaliação da política, bem como a espacialização das áreas municipais destinadas ao esporte e lazer, o que certamente politizará a discussão sobre disputa de interesses na desafetação da destinação original destas áreas públicas.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000927919&opt=1

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.