Ensino e Formação: os Mais Modernos Conceitos e Métodos em Circulação nas Jornadas Internacionais de Educação Física

Por: Cassia Danielle Monteiro Dias Lima.

188 páginas. 2012 24/05/2012

Send to Kindle


Resumo

Este estudo aborda o conjunto de cursos de aperfeiçoamento técnico e pedagógico denominado Jornada Internacional de Educação Física, realizado pela Diretoria de Esportes (DEMG), pela Escola de Educação Física de Minas Gerais (EEF-MG) e pela Associação de Ex-alunos da EEF-MG, em Belo Horizonte, no final da década de 1950 e início da década de 1960. Ao todo foram cinco edições a primeira no ano de 1957 e a última em 1962. Nosso objetivo foi o de conhecer e escrever a história das Jornadas em seus detalhes. No exercício de mobilização de fontes dois acervos se tornaram fundamentais: o Centro de Memória da Educação Física do Esporte e do Lazer (CEMEF) e a Hemeroteca Pública Luiz de Bessa, ambos na cidade de Belo Horizonte. Realizamos, ainda, três entrevistas com pessoas que participaram de alguma forma desses cursos. O corpus documental foi, então, constituído de fontes de natureza variada como jornais, fotografias, depoimentos orais, caderno de planejamento, anais, entre outras. Interessou-nos, nesse movimento, conhecer as entidades promotoras desses cursos, as trajetórias dos sujeitos que estiveram a frente das mesmas e participaram da organização e realização das Jornadas, assim como os conteúdos em circulação nos tempos/espaços do conclave. Por meio da análise das fontes foi-nos possível reconhecer que a Educação Física em Belo Horizonte, no período em estudo, esteve atrelada aos preceitos morais católicos, como também possuía forte vínculo com a instituição militar. No âmbito das Jornadas, podemos indicar a presença de freiras, padres e militares, tanto participando como alunos das aulas quanto organizando ou ministrando palestras. A defesa de uma Educação Física aliada aos preceitos morais e religiosos foi recorrente nos discursos de alguns participantes do certame. Professores e alunos da EEF-MG assim como professores de renome internacional, marcaram presença nesses encontros, proferindo palestras, aulas e cursos. Os alunos vinham de várias regiões de Minas Gerais, de outros estados brasileiros e até mesmo de outros países. As ginásticas e as danças estiveram presentes em todas as edições e percebemos, também, que os esportes foram paulatinamente ganhando espaço nesses encontros. Ainda, foi-nos possível identificar uma ênfase nos conteúdos relacionados à atuação pedagógica da Educação Física, assim como nas partes práticas dos conhecimentos que englobam tal disciplina. Procuramos entender como se deu a construção de representações sobre esse campo pedagógico no âmbito das Jornadas Internacionais de Educação Física e podemos, assim, apontar que esse conjunto de cursos auxiliou na constituição de um imaginário sobre a Educação Física, em Belo Horizonte, no final da década de 1950 e início da década de 1960.

Endereço: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-8ZLQJG

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.